Jardim Elétrico deseja Feliz 2017 !

img_0583

Que o ano que se inicia seja cheio de arranjos, bounces, captações, demos, emulações, fades, grupos, hits, interfaces, jingles, kbps, logs, masters, networks, offsets, paths, quantizações, remixes, spots, takes, upgrades, vinhetas, waves, x-fades, youtubes e zero crossings!

Arturia lança plug-in gratuito do filtro do Moog

filtertop

A conhecida marca francesa Arturia avisa que está terminando amanhã, 28/12/2016 o prazo para quem queira receber gratuitamente o plug-in Mini V Filter, que emula o filtro usado no famoso sintetizador monofônico Moog dos anos 70. Os desenvolvedores da Arturia usaram sua tecnologia exclusiva TAE para replicar o comportamento e nuances dos componentes analógicos do filtro em hardware, como a filtragem em 24dB/oitava, e suas “respiração, gritos e apitos” como o original. Para obter o plug-in, acessem o link www.arturia.com/arturia-festive-gift

Jardim Elétrico com novos sons Spitfire Audio

Na última semana de 2016, o Jardim Elétrico já terá disponível mais uma biblioteca de sons, desta vez da Spitfire Audio, com sons de sopros de madeira. Os arquivos são muito importantes para a realização de projetos didáticos nos cursos intensivos de férias em 2017, nos cursos regulares e produções da gravadora.

Depois do lançamento das versões Spitfire Symphonic de sopros de metal e cordas, agora os sopros de madeira. São flautas, clarinetes, oboés e fagotes em suas diversas variações, que completam a timbragem de arranjos orquestrais, e que contribuem para os arranjos de música popular, não se limitando a tradicionais arranjos de quartetos de cordas.

Assista ao vídeo de demonstração da biblioteca, realizado com o mesma DAW – Digital Audio Workstation usada no Jardim Elétrico, o Logic Pro X:

Logic Pro X – Piano Reverso Parte I

Piano Reverso – I

Link para o vídeo

No curso de Logic Pro X, alguns procedimentos são feitos via vídeo. Nesta primeira parte, vamos criar um arquivo de áudio a partir de acordes MIDI, e usar alguns recursos do Logic.

Parte I

1. Criar uma série de 8 acordes em compasso 4/4, com semibreves, beat a uns 90. Usar o timbre Boesendorfer Grand Piano. Deixe 1 compasso de folga no início e coloque o Snap em Bar.

2. Clicar com botão direito na região MIDI criada, e escolher a opção Bound in Place com a seguinte configuração:

Destination: New Track

Source: Mute

Include Audio Tail in File

Include Audio Tail in Region

Include Volume/Pan Automation

3. Cortar a região criada no começo de cada acorde (use a ferramenta Scissors junto com a tecla Option para cortar todas de uma vez)

4. Dar 2 cliques para abrir o editor da região cortada, escolha o modo File -> Functions -> Reverse

5. Por padrão, a região original fica mutada ao escolher Bounce in Place. Selecione a região e a desmute com Control+M

6. Abra o Inspetor da região cortada, e aplique Fade IN com valor de 1.000 e Fade OUT com 100

7. Coloque o modo Snap desligado (Off)

8. Diminua cada região de reverse do fim para o início, e realinhe todas deixando o mesmo espaço diminuído no início

9. Coloque novamente o Snap em em Bar e escolha a opção Snap to Relative Value

10. Copie o primeiro acorde reverso, e o coloque antes do início da sequência